Assinatura

Nasci Renato e fui assim conhecido e reconhecido em toda minha infância no Grupo Escolar D. Pedro II.


Pra mim este era o meu nome. Quando entrei no Colégio Paranaense, em 1975, virei Roble, o filho do padeiro. Pra mim, apesar dos outros serem filhos de industriais, fazendeiros e políticos, minha condição era um orgulho.


Fui sendo chamado de Roble até terminar o ginásio. No Cefet, em 1980, por causa da chamada, descobri que meu nome era também Luiz e assim passei a ser chamado e amado.


Nos meus primeiros contatos profissionais, em 1986, ainda na universidade, passei a ser o Luiz Renato, pois é assim que me apresento.


Com esta assinatura, que não tem pé nem cabeça, como as cartas de baralho ou as velhas notas do Barão do Cruzeiro Novo, talvez o primeiro logotipo que criei, mesmo sem saber, nomeava tudo que fazia a partir da época do Cefet, como desenhos, caricaturas e outras viagens no papel.


Ela tem me acompanhado, ora no paralelo, ora na gaveta, mostrando, com seus altos e baixos, os momentos de sorte e revés, que fazem existir minha estrada. Que seja longa.



132 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Frigidaire

Essencial